Horário de atendimento:
de segunda à sexta feira das 8:00hs às 20:00hs
Sábado das 8:00hs às 13:00hs
Cel: (11) 98123-0800 | Fixo: (11) 2532-0272
Facebook
Instagram
Youtube
Avenida Onze de Junho n° 1380 - Vila Clementino
São Paulo - SP - Cep: 04041-001

Blog

Os primeiros 7 anos da RNA

No dia 23/4/17, encerrou-se o primeiro setênio da RNA. Pela Medicina Tradicional Chinesa (MTC), a vida, seja de uma pessoa ou de uma empresa divide-se em ciclos de 7 anos, e cada um tem características importantes para o desenvolvimento. Assim, iniciamos este texto nos baseando nos estudos milenares chineses e, em seguida, mostraremos nossa produção e contribuição científica para as doenças neuromusculares.

“Antes do nascimento de uma empresa, há necessidade de organização e planejamento. Estes estão relacionados ao inverno, que é a estação da escassez e do recolhimento. Nesta fase, as condições externas determinam contenção de movimento e da energia. É a hora da interiorização, concentração da energia. O potencial que está sendo armazenado nas sementes, começa a se desenvolver para fora.

O nascimento simboliza o surgimento da energia da primavera, quebrando o gelo e o retraimento do inverno. A MTC chama esta fase de romper o Yang, a partir de um período de predomínio absoluto do Yin, onde prevalecia a quietude e o recolhimento. A força cinética do Yang provoca a criação – concretização. Essa transição entre o inverno e a primavera seria representada então pelo Yang dentro do Yin, como um ponto claro em meio a escuridão, como mostra o símbolo do Tai Ji.

Esta força é representada pelo elemento madeira ou movimento inicial. Como período sazonal, suas características são identificadas como primavera, estação do germinar e do recomeçar dos ciclos. Há com períodos de aprendizado e crescimento.

Cada estação apresenta uma fase Yang de movimento, transformação e redirecionamento, seguida por uma fase Yin, quando esse movimento entra em velocidade de cruzeiro. Os primeiros sete anos significam o primeiro vento quente que invade o frio do inverno. Um fruto a germinar seguro e a formação de uma base de sustentação.”

Construímos nossa base sob um tripé de atendimento aos pacientes com qualidade, ensino baseado em pesquisa de campo e experimental e pesquisando diariamente, na busca incessante pelo conhecimento.
Assim, abaixo apontamos, resumidamente, alguns dos nossos estudos nestes primeiros 7 anos de vida:

  1. Em 2010, estava sendo publicado o estudo de mestrado da Dra. Tatiana Mesquita, pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP/EPM):Análise das características do sono em pacientes com SíndromePós-poliomielite,na revista Arquivos de Neuropsiquiatria;68(4):535-540. Como colaboradores, estavam Dr.Gustavo Antônio Moreira, Dr. Abrahão Augusto Juviniano Quadros, Dra. Márcia Pradella-Hallinan, Dr. Sergio Tufik e Dr.Acary Souza Bulle Oliveira. O Objetivo do estudo foiverificar os transtornos do sono em pacientes com SPP.Vimos que a eficiência do sono é diminuída, o índice de apneia e hipopneia e o índice de movimentos dos membros é aumentado.
  2. Também em 2010, a Dra. Erika Gouveia finalizou seu estudo de mestrado, com tema: Análise Observacional de Aquisição Motora em Crianças Portadoras de Amiotrofia Espinal do Tipo I Submetidas à Intervenção Medicamentosa com o Ácido Valpróico pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). Como colaboradores: Dra.Umbertina Conti Reed e Dra. Maria Joaquina Marques-Dias. O objetivo foi analisar as aquisições motoras de crianças com AMEP I submetidas ao tratamento medicamentoso. Os resultados demonstraram que os pacientes submetidos à intervenção medicamentosa com o Ácido Valpróico apresentaram uma tendência à melhora das aquisições motoras, em relação ao descrito na evolução natural da doença e a utilização da filmagem como método de análise de aquisição motora se mostrou ser um recurso eficaz no acompanhamento da evolução motora dos pacientes.
  3. Em 2011, continuando o estudo sobre a SPP, a Dra. Tatiana Mesquita defendeu seu estudo de doutorado, também pela UNIFESP/EPM, intitulado: Efeitos do Uso de Tecidos Com Biocerâmica MIG3 sobre a Qualidade do Sono em Pacientes com Síndrome Pós-Poliomielite. Analisando o efeito do uso do material, houve melhora significativa da latência do sono no grupo tratamento entre os grupos e diminuição de dor. Desta forma, o produto mostrou-se eficiente para pacientes com doenças neuromusculares que apresentem dor e diminuição da qualidade do sono. 
  4. Em 2012, as Dras. Tatiana Mesquita e Erika Gouveia, juntamente com outras duas grandes fisioterapeutas da área, escreveram e coordenaram o livro: Doenças Neuromusculares: Atuação da Fisioterapia Guia Teórico e Prático da Ed. Roca, onde o tratamento das doenças neuromusculares pela equipe multidisciplinar é descrito em primeiro plano pelos profissionais mais qualificados em cada área.
  5. Em 2013, a Dra. Tatiana Mesquita foi convidada pelo Dr. Acary Oliveira para escrever o capitulo de reabilitação aquática de seu livro: “Reabilitação Em Doenças Neuromusculares: Guia Terapêutico Prático”.
  6. Atualmente, a Dra. Erika Gouveia está escrevendo sua tese de doutorado, também na área das doenças do neurônio motor pela USP, com o tema: Efeitos do Videogame Nintendo Wii Sports na Reabilitação de Membros Superiores em Pacientes com Síndrome Pós Poliomielite (SPP). Objetivo é utilizar a realidade virtual como uma nova forma de tratamento para estes pacientes.
  7. A RNA Participou e levou pesquisas a diversos congressos nacionais e internacionais na área, sendo sempre reconhecida pela cientificidade apresentada nos estudos.

Diz a Medicina Tradicional Chinesa: “ao atingir a idade de sete anos, a empresa terá alcançado a consolidação da essência, o equilíbrio da energia e iniciado uma fase de estabilidade de plena primavera. ”Assim, iniciamos com o pé direito nosso segundo setênio, com a certeza de estarmos oferecendo um tratamento com bases solidas e sempre baseado em estudos.